(41) 3149-8444 | 9 8754-6006

INPI registra primeiro processador criptográfico produzido no Brasil

Publicado em: 29/06/2017

Topografiacircuitointegrado

Topografiacircuitointegrado

 

INPI registra primeiro processador criptográfico produzido no Brasil

 

 

Registro

 

INPI registra primeiro processador criptográfico produzido no Brasil e emitiu o certificado para área de

segurança da informação, no fim de maio. O Cripto Processador Seguro (CPS) foi desenvolvido em

parceria entre a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) e Kryptus Segurança da Informação S/A.

 

É uma grande conquista observarmos os avanços de proteção dos ativos intangíveis que as empresas

da área da Tecnologia vem avançando a cada dia em aspectos globais, e é com esse olhar de avanço

que compartilhamos essa grande conquista em proteção a Topografia de Circuito Integrado no Brasil.

 

Para quem não sabe o que é Topografia de Circuito Integrado o INPI conceitua como: são imagens

relacionadas, construídas ou codificadas sob qualquer meio ou forma, que represente a configuração

tridimensional das camadas que compõem um circuito integrado. Em outras palavras, é o desenho

de um chip. 

 

 

O Cripto Processador Seguro realiza criptografia via hardware

 

Financiado pela Finep e com tecnologia brasileira, o projeto do Cripto Processador Seguro “surgiu da

necessidade de se elevar os níveis de segurança em equipamentos críticos para patamares diferenciados”,

segundo o gerente de negócios da RNP, Celso Capovilla.

 

“No Brasil, não havia nenhum processador nesse nível, e mesmo no resto do mundo existiam poucos

países que detinham esse tipo de tecnologia, voltada para aplicações críticas de segurança, nas quais

havia a necessidade de confidencialidade de informações e a proteção contra ataques cibernéticos 

potencialmente danosos, já que havia uma crescente interconexão massiva de computadores, a internet. 

Conseguimos os recursos e, principalmente, as competências necessárias. Assim, em 2008, nos lançamos

ao desafio”.

 

Diferente dos atuais mecanismos de segurança baseados em criptografia, que utilizam algoritmos

implementados por software para isto, o CPS realiza esse trabalho via hardware. “Implementar 

criptografia em um hardware já foi mais difícil no passado, pois o deixamos mais complexo ‘pesado’. 

Com as novas tecnologias, produzimos um processador que eleva enormemente os níveis de segurança. 

A criptografia em hardware beneficiará diversas aplicações, como em certificação digital e votação

eletrônica”, ressalta Capovilla.

 

 

Fonte: TecMundo

 

 

 

INPI registra primeiro processador criptográfico produzido no Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comentários

Salvatore

Legal. Informações muito úteis! Achei um blog que ajuda a entender mais sobre o assunto!! Vale a pena conferir. http://blog.dortaedorta.com.br/saiba-se-voce-precisa-mudar-o-registro-de-marca-caso-tenha-alterado-o-logotipo-da-sua-empresa/


admin

Agradecemos por nos acompanhar!


Paula Soares

Ótimo conteúdo


Sonia Silva

Simplesmente AMEI o conteudo desse site! Estão de parabéns, já até deixei na aba de favoritos aqui D


porcelanato

Quanta informação nesse site. Parabéns pelo conteúdo. Sucesso


porcelanato liquido

muito chique


CURSO DE PORCELANATO LIQUIDO

Muito bom seu site. Conteudo de valor. Me ajudou bastante.


como aplicar porcelanato liquido

Achei interessante esse artigo Parabéns!!!


Julio

Gostei.


felipe

oi gente gostei muito desse site, parabéns pelo trabalho. ;)


curso porcelanato liquido 3d

Eu adorei esse site. Muito conteudo de qualidade. Parabens


Ronaldo

Bacana.


A Capelatto Marcas e Patentes

Agradecemos pela interação. Estamos a disposição.


Empresa de Sucesso

Ola excelente informacoes, tenho uma holding de empresas e preciso registrar a marca, irei entrar em contato.


Patricia Alves

Gostei muito do artigo!


janete

muito bom o seu arigo


Edgar

Interessante.